Empresas poderão recorrer ao seguro para reparar prejuízos com greve de caminhoneiros

Publicado em 29/05/2018 às 18h21

FONTE: AGÊNCIA ESTADO

 

EMPRESAS PODERÃO RECORRER AO SEGURO PARA REPARAR PREJUÍZOS COM GREVE DE CAMINHONEIROS

São Paulo, 29/05/2018 - As empresas que tiveram prejuízos provocados pela greve dos caminhoneiros poderão recorrer ao seguro contratado para reparar parte das perdas, informa o advogado Ernesto Tzirulnik, presidente do Instituto Brasileiro de Direito do Seguro (IBDS). 

Os prejuízos estimados por diversos setores da economia já somam mais de R$ 30 bilhões. Só o setor de pecuária de corte avalia que deixou de movimentar cerca de R$ 10 bilhões, conforme dados da Associação Brasileira das Indústrias Exportadoras de Carnes (Abiec). 

Tzirulnik explica que a greve dos caminhoneiros pode ser classificada como "força maior", prevista nas apólices de seguro para fins de indenização. "A paralisação extraordinária dos caminhoneiros é força maior que pode causar os mais diversos prejuízos. Salvo muito clara exclusão de cobertura nas apólices de seguro esses prejuízos poderão caracterizar hipótese de cobertura", explica. (Equipe AE)

voltar para Notícias

left show fwR tsN bsd b02s|left tsN show fwB bsd b02s|left show tsN fwB normalcase|bnull||image-wrap|news fwB fwR normalcase tsN|fwR normalcase tsN fsN|b01 c05 bsd|login news fwR normalcase tsN|fwR normalcase tsN c15 bsd b01|normalcase tsN|content-inner||