Livro analisa cenário para desarmamento nuclear global

Publicado em 28/07/2017 às 11h38

FONTE: PORTAL IG

 

Advocacia | 01:46

Livro analisa cenário para desarmamento nuclear global

No próximo dia 1º de agosto, será lançado o livro “Desarmamento Nuclear” do advogado Wolf Ejzenberg. A obra, com selo da editora Arraes, é resultado de sua dissertação de Mestrado, desenvolvida entre 2012 e 2014 e defendida em 2015 perante o Departamento de Direito Internacional da Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo. 

A pesquisa parte de uma análise sobre o ensaio de Kant “À Paz Perpétua”, de 1795, e como ele pode ser usado para pautar o ideal do desarmamento nuclear global. “Não é uma análise exaustiva do ensaio kantiano, mas identifica nele a proposição de observar os sinais negativos de uma realidade histórica como demonstrações de algo a ser superado pelo desenvolvimento racional da humanidade”, destaca Ejzenberg. Partindo dessa premissa, contando com descrição da evolução histórica da questão nuclear desde o desenvolvimento das armas nucleares, há uma análise crítica de todo o aparato internacional desenvolvido sobre a problemática relacionado a esse tipo de armamento (tratados, organizações, acordos etc.), e de como a política das relações internacionais acaba criando obstáculos ao seu aprimoramento e efetivo cumprimento. 

A obra avalia como o comportamento das potências nucleares pode ser considerado como o principal fator de dificuldade para o pleno funcionamento de tratados que têm por finalidade a não proliferação ou mesmo o banimento das armas nucleares. 

O livro não se resume apenas à tese defendida em 2015, já que traz algumas considerações sobre acontecimentos políticos recentes como o acordo com Irã em 2015, o agravamento da tensão norte-coreana nos últimos anos, a exacerbação dos discursos sobre a questão nuclear de Putin e Trump no fim de 2016 e a conferência realizada este ano na ONU para a aprovação de tratado contra as armas nucleares. “Apenas uma abordagem coerente e trans¬parente sobre o impasse das armas nucleares, especialmente pelas principais potências, permitirá a retomada de passos no tortuoso caminho em busca de seu controle efetivo e, num segundo momento, do desarmamento completo”, ressalta o autor. 

Wolf Ejzenberg é sócio do escritório Ernesto Tzirulnik Advocacia – ETAD, mestre em Direito Internacional pela Faculdade de Direito da USP e colaborador do Instituto Brasileiro de Direito do Seguro – IBDS. 

O coquetel de lançamento do livro acontece a partir das 18h30 na sede do ETAD (Rua Ceará, 202 – Pacaembu), em São Paulo.

 

voltar para Notícias

left show fwR tsN bsd b02s|left tsN show fwB bsd b02s|left show tsN fwB normalcase|bnull||image-wrap|news fwB fwR normalcase tsN|fwR normalcase tsN fsN|b01 c05 bsd|login news fwR normalcase tsN|fwR normalcase tsN c15 bsd b01|normalcase tsN|content-inner||