O ministro petista, o piano e a censurada ‘Cálice’

Publicado em 30/04/2019 às 12h22

FONTE: RADAR (VEJA)

O ministro petista, o piano e a censurada ‘Cálice’

José Eduardo Cardozo, agora advogado em Brasília, dá "canja" nas noites da capital

Atuando como advogado em Brasília desde que deixou o governo e a defesa de Dilma Rousseff, o ex-ministro da Justiça José Eduardo Cardozo tem mostrado outras habilidades na noite da capital.

Como pianista, por exemplo. Até com certo virtuosismo.

Na noite da inauguração do escritório do amigo e advogado Ernesto Tzirulnik, um entusiasta da música,  o petista, que chegou mais no final da festa, deu uma canja.

No repertório, e em pleno governo Bolsonaro, Cardozo inseriu  “Cálice”, a censurada canção de Chico Buarque e Gilberto Gil, ficou na gaveta da ditadura por cinco anos, de 73 a 78. Confira a performance no vídeo abaixo.

https://veja.abril.com.br/blog/radar/o-ministro-petista-o-piano-e-a-censurada-calice/

voltar para Notícias

left show fwR tsN bsd b02s|left tsN show fwB bsd b02s|left show tsN fwB normalcase|bnull||image-wrap|news fwB fwR normalcase tsN|fwR normalcase tsN fsN|b01 c05 bsd|login news fwR normalcase tsN|fwR normalcase tsN c15 bsd b01|normalcase tsN|content-inner||